A+ A A- Tamanho de Fonte C Contraste 简体中文EnglishFrançaisPortuguêsEspañol

ApexBrasil lança programa que irá qualificar empresas do Pará e Amapá para o comércio exterior

Programa nacional será realizado em parceria com a Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá, atendendo 125 empresas, sendo 100 no Pará e 25 no Amapá

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) lança na próxima terça-feira (03), um importante instrumento de apoio à exportação nos estados do Pará e do Amapá: um Núcleo do Programa de Qualificação para Exportação (PEIEX). Na região, o PEIEX será executado por meio de uma parceria da ApexBrasil com a Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá. Essa parceria atenderá 100 empresas paraenses e 25 empresas amapaenses até o fim de 2023.

Em Belém, o lançamento presencial será realizado no prédio da Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá, a partir de 8h30 e poderá ser acompanhado de forma virtual pelo link https://crm-apps.apexbrasil.com.br/orgbdeab873/inscricao-eventos/evento/evento-de-lancamento-peiex-para-presencial-com-transmissao-ao-vivo/a0535bc9-14c9-402e-835e-5b28192fe004 . Já em Macapá, o polo PEIEX será lançado no Sebrae da capital, no mesmo horário, e também assistido on-line por meio do link https://crm-apps.apexbrasil.com.br/orgbdeab873/inscricao-eventos/evento/evento-de-lancamento-peiex-para-presencial-com-transmissao-ao-vivo/a0535bc9-14c9-402e-835e-5b28192fe004 . Para outras informações, basta enviar um e-mail para imprensa@apexbrasil.com.br ou contatar pelo telefone (61) 2027-0775.

O PEIEX capacita empresas brasileiras para o processo de exportação de produtos e serviços de forma planejada e segura. Em âmbito nacional, nos últimos 13 anos, o programa já qualificou mais de 25 mil empresas para a exportação. No conjunto Pará e Amapá, mais de 500 empresas foram qualificadas desde 2013.

“O PEIEX é uma excelente oportunidade para que as empresas do Pará e Amapá possam crescer e consolidar seus esforços para a exportação, com apoio de uma equipe técnica altamente qualificada. Além disso, a participação da Fundação Guamá permite o fortalecimento da sinergia entre as instituições de ciência e tecnologia e as empresas da região, o que fortalece sobremaneira a competitividade regional”, menciona Rodrigo Quites, diretor-presidente da Fundação Guamá.

A escolha pela atuação do PEIEX no Pará e no Amapá foi motivada pela crescente corrente de comércio exterior nesses dois estados. Entre 2018 e 2021, as exportações conjuntas desses estados subiram em 88%, puxadas sobretudo pelo setor de mineração, porém com grande destaque também para exportações de preparações peixes e frutas. Além disso, investimentos infraestruturais recém anunciados, como a criação da Zona de Processamento de Exportações de Castanhal, no Pará, e a construção do Terminal de Containers em Santana, no Amapá, tendem a propelir ainda mais os fluxos comerciais desses estados.

“A renovação da parceria com a Fundação Guamá, que executa o PEIEX desde 2016, é sinal dos resultados aferidos nos últimos anos. Podemos atestar um número cada vez maior de exportadores no Pará e no Amapá e, por meio deste convênio, visamos auxiliar as empresas deles nos seus processos de internacionalização. Com a realização de atendimentos online, conseguimos, a partir de Belém e de Macapá, atingir todo o território desses estados” comenta Rita Albuquerque, coordenadora de Qualificação da ApexBrasil.

Funcionamento
A metodologia do programa é aplicada por meio de visitas de monitores e técnicos do PEIEX. Após uma série de visitas técnicas, que podem ser presenciais ou remotas, o empresário recebe um plano de trabalho, contendo assuntos teóricos e práticos relativos à exportação que devem ser implementado durante o processo de qualificação.

Para ser considerada qualificada, a empresa deve receber todas as informações estabelecidas no plano de trabalho. Na etapa final do trabalho de qualificação, as empresas recebem um Plano de Exportação, no caso de empresa de bens, ou um Mapa de Valor, no caso de empresas de serviços, elaborado em conjunto com o Técnico do PEIEX. Nele, constam informações estratégicas e operacionais para exportação.

Participação
A participação no programa é gratuita e podem se inscrever empresas de todos os setores e porte com CNPJs ativos, produto ou serviço exportável, que desejam se qualificar para exportação em até dois anos e tenham condições de aumentar sua produção ou dedicar parte dela para atender clientes internacionais. Possibilidade de adaptar produtos e serviços para o mercado internacional, disponibilidade para melhorias de gestão e recursos financeiros para investir na exportação (ou concordem em exportar de forma indireta) também são critérios observados.

Sobre o PEIEX
O PEIEX é oferecido pela ApexBrasil com o intuito de preparar as empresas brasileiras para iniciar o processo de exportação de forma planejada e segura. A ApexBrasil realiza o PEIEX em todo o Brasil, com Núcleos Operacionais instalados em parceria com Instituições de Ensino, Federações de Indústria e Fundações de Amparo à Pesquisa.

Em seus mais de 10 anos de execução, o PEIEX qualificou mais de 25.000 empresas. As empresas atendidas pelo PEIEX tendem a ter um rápido retorno em termos de volume de exportação: R$357,5 milhões exportados entre janeiro e junho de 2021, considerando apenas as empresas capacitadas no biênio anterior. O segmento com maior número de empresas é o de alimentos e bebidas, seguido de máquinas e equipamentos, têxtil e confecção, móveis e cosméticos (dados de dezembro/2020).

Sobre a ApexBrasil
A ApexBrasil atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. A Agência apoia atualmente cerca de 15.000 empresas em 80 setores da economia brasileira.

 

Fonte: Juliane Frazão (PCTGuamá)