A+ A A- Tamanho de Fonte C Contraste 简体中文EnglishFrançaisPortuguêsEspañol

Governo do Estado vai construir mais de 110 novas pontes este ano

Foto: Bruno Cecim / Ag.Pará

O governo do Estado vai construir, este ano, mais de 110 novas pontes em todas as Regiões de Integração do Pará. Elas serão custeadas por captações feitas pelo Projeto de Desenvolvimento e Integração Regional (Prodeir) - que será lançado pelo Estado - e com recursos do Tesouro Estadual e do Financiamento para Infraestrutura e Saneamento (Finisa), da Caixa Econômica Federal.

Segundo o titular da Secretaria de Estado de Transportes (Setran), Pádua Andrade, este é maior pacote de construção e substituição de pontes de madeira por concreto do Estado. Os recursos obtidos pelo Finisa são exclusivos para substituição de pontes de madeira por concreto, assim como 28  pontes contempladas pelo Prodeir.

Haverá ainda a construção, por meio do Prodeir,  de três pontes de grande porte em regiões estratégicas para a logística do Pará. Será construída uma ponte na PA-370, no rio Curuá-Una, em Santarém, com 60 metros de extensão; outra sobre o rio Alto Capim, em Paragominas, com 560 metros, e ainda outra sobre o rio Acará, próximo à PA-150, que terá 280 metros de extensão.

Renovação - /Ao todo, a malha rodoviária sob jurisdição da Setran tem 7,5 mil quilômetros de extensão, com  mais de 700 pontes, das quais, no início da atual gestão, 340 eram de madeira. Somente em 2019, 20 novas pontes de madeira foram substituídas por concreto, e este ano serão construídas quase 120 novas pontes em concreto, das quais 103 de madeira serão substituídas.

“Isso garante segurança para quem usa as estradas paraenses, por meio de um dos maiores  projetos de integração regional do governo, que vão ainda gerar emprego e renda para população”, destaca Pádua.

Com recurso do Tesouro Estadual, a Setran também fará, este ano, o reforço e readequação da ponte do Outeiro, em Belém, com aumento da extensão e recuperação das defensas dos blocos de fundação e instalação de defletores no canal de navegação, para evitar choques com embarcações.

Por Kátia Aguiar (SETRAN)